Opções para um banho quentinho

Elétrico, a gás ou solar? Na hora de construir ou reformar surge a dúvida por qual aquecimento de água optar.

Em época de crise hídrica e elétrica, vem à tona a discussão sobre qual maneira de esquentar a água atinge menos o seu bolso. Ao projetar, construir ou reformar uma casa, o banho quente costuma gerar dúvidas. Qual é a melhor opção: elétrico, a gás ou solar?

Elétrico

O tipo mais comum de aquecimento de água no Brasil é o chuveiro elétrico, presente em mais de 73% dos lares brasileiros. Seu alto grau de difusão se justifica pela sua facilidade de instalação, operação e manutenção. O sistema é simples: a água quente é fornecida diretamente na mesma unidade onde será aquecida.

Segundo pesquisa realizada pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), tomar banho com o tradicional chuveiro elétrico é o modo mais econômico.

Gás

Outro sistema que tem se difundido no país é o de aquecimento a gás. Essa tecnologia permite o aquecimento da água de forma mais estável, proporcionando maior conforto, porém em termos de economia ainda perde para o chuveiro elétrico.


Ao projetar, construir ou reformar uma casa, o banho quente costuma gerar dúvidas

O aquecimento a gás pode ser de passagem ou de acumulação. No primeiro, existe uma tubulação de água quente que distribui a água quente a partir do aquecedor até cada ponto de consumo. Já no de acumulação, um tanque isolado termicamente mantém a água a uma determinada temperatura, de onde é direcionada aos pontos de consumo. Com esse sistema de aquecimento o consumo da água pode ser imediato (conforme a regulagem) ou para consumo posterior. Existe ainda a possibilidade de união dos sistemas de passagem e acumulação. As empresas que executam esse tipo de instalação costumam chamar o sistema conjugado de “central térmica”, que consiste basicamente de um aquecedor de passagem ligado a uma bomba e a uma central de acumulação (com ou sem possibilidade de ligação elétrica).

Os sistemas a gás não gastam energia elétrica, mas muitos projetistas costumam deixar, por via das dúvidas, uma tomada pronta para chuveiro elétrico junto aos chuveiros, para o caso de pane ou manutenção no sistema à gás.

Solar

Apesar de nosso imenso potencial energético solar, o sistema termossolar emprega energia limpa, porém encontra restrições devido ao alto valor do equipamento e das regiões com pouca insolação. Quando instalado, precisa de um aquecimento auxiliar para garantir o conforto em dias chuvosos ou nublados. Mas vale destacar que o investimento para a compra e instalação desses equipamentos se paga em cerca de dois anos, graças a uma redução média de 30% na conta mensal de energia da residência.


Sistema de aquecimento solar

Escolher o melhor sistema de aquecimento de água para uma casa exige uma compreensão de como funciona cada uma das alternativas e suas vantagens. O melhor momento para começar a pensar na escolha do sistema de água quente para os banheiros é durante o projeto da obra. Isto porque envolve a montagem de encanamentos, localização da caixa d’água e do aquecedor central (caldeira), a escolha das torneiras e misturadores, sem falar do chuveiro e demais acessórios que entrarão em contato com a água.

Essa é mais uma dica do portal WebReforma para ajudar na sua reforma ou construção.

Acesse nosso portal e encontre empresas e profissionais de Manutenção e Serviços, Eletricistas, Maridos de Aluguel, Arquitetos, e muito mais.

Fotos: Reprodução

100 anos de Vilanova Artigas

João Batista Vilanova Artigas, uma das maiores referências da arquitetura brasileira do século 20, completaria 100 anos em 2015. E dedicamos um Minuto WebReforma à esse importante arquiteto e urbanista.

artigas-abre-927x564

Coincidência ou não, as três construções de Vilanova Artigas em Curitiba, sua cidade natal, estão relacionadas de alguma forma com a Medicina. Em julho de 1945, Artigas foi contratado para projetar e construir o edifício que abriga o Hospital São Lucas, no Juvevê. Neste projeto, utilizou de princípios modernistas, com rampas, pilotís (pilares cilíndricos), janelas em fita, terraços e jardins.

Hospital São Lucas - 1945 - VIlanova Artigas

A residência da Rua da Paz, de 1952, foi projetada para o médico João Luiz Bettega, amigo próximo do arquiteto mais premiado internacionalmente. Vinte e cinco anos depois, Artigas projetou a casa Edgard Niclewicz, uma de suas últimas obras. O projeto, de 620 m², foi executado entre 1978 e 1981 para sua sobrinha e o marido, o médico Edgard Nieclevicz. A casa tem grandes estruturas de concreto aparente fora e muita luz dentro, como o edifício da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, uma das suas obras mais importantes.

fau-usp-vilanova-artigas

Também é dele o projeto do Estádio do Morumbi, na capital paulista. Em 1953, Artigas venceu a concorrência para conceber o “maior estádio privado do mundo”. Sua estrutura aparente de concreto armado (feito com barras de aço) seguiu o conceito do brutalismo – sem ornamentos que a escondessem.

ESTADIO CÍCERO P DE TOLEDO 1

ESTADIO CÍCERO P DE TOLEDO 4

Quer saber mais sobre Artigas?

Então confira o filme Vilanova Artigas: O Arquiteto e a Luz. O documentário lançado neste ano apresenta sua trajetória por meio de lembranças de familiares, amigos, alunos, imagens de arquivo e visitas a algumas de suas mais importantes obras, como o Edifício Louveira, em Higienópolis e a rodoviária de Jaú.

artigas

Ou assista o Minuto WebReforma Especial Vilanova Artigas. Acesse aqui.

Use e abuse de adesivos decorativos

Originais e divertidos para todos os ambientes.

Os adesivos decorativos são uma forma original e divertida de decorar o seu imóvel.


Uma ótima opção para decoração dos quartos de adultos e crianças

Salas, quartos, banheiros e cozinhas são todos espaços importantes e de considerável circulação de pessoas.

A decoração em geral deve ser feita de acordo com os gostos pessoais do dono do imóvel mas, ao mesmo tempo, devemos levar em conta as funções que esses ambientes devem ter.

A maioria das pessoas opta por decorar a casa de forma simples, com as paredes pintadas apenas de uma cor e evitam colocar quadros ou espelhos de forma a evitar furos – principalmente se o imóvel for alugado – e é aí que os adesivos decorativos entram como solução, sendo encontrados disponíveis no mercado nas mais diversas cores, estilos e tamanhos.

    

Este material é bastante simples de colocar, bastando seguir as indicações da embalagem ou aproveitando o fornecedor do produto que já oferece a colocação e são também bem fáceis de retirar, não deixando marcas na parede ou danificando a pintura – uma super solução para quem deseja renovar a decoração do ambiente sem gastar muito dinheiro e nem ter muito trabalho.

Passo a passo da aplicação:

– Antes de aplicar o adesivo, estude bem o locar e a posição onde o pretende colocar, estude várias alternativas e veja o resultado final em diferentes locais do ambiente.

– Limpe bem a parede ou a superfície onde vai colocar o adesivo.

– Fixe a parte superior do adesivo na parede e em seguida, com a ajuda de uma espátula, remova as bolhas, passando a espátula do centro para as laterais.

Escolha opções que combinem com seu gosto e valorize o restante de sua decoração.

Encontre fornecedores de adesivos decorativos e muito mais no portal WebReforma.

Efeito Vintage

Um toque de classe, um toque de sofisticação.

Sabe aquelas manchas pretas no espelho que geralmente não agradam muito? Os espelhos oxidados conquistaram seu espaço na decoração e há quem produza esse efeito propositalmente para deixar o ambiente mais sofisticado.


Dois espelhos grandes e oxidados compõem esse ambiente

Parece um contrassenso expor um objeto que parece estragado na decoração, mas os espelhos envelhecidos estão em ambientações de todos os estilos e são perfeitos para dar à casa aquele look vintage. A peça pode ser usada sem erro em salas de estar e jantar, halls de entrada, lavabos e até mesmo em banheiros.

   
O espelho envelhecido dá a sala de jantar mais sofisticação e um aspecto vintage ao lavabo

Gostou da ideia e não tem uma espelho oxidado em casa? Então, mãos à obra para produzir esse efeito. Antes de tudo, faça um teste em uma peça barata e pequena. Use luvas, máscara protetora e proteja olhos e braços. Você vai precisar de removedor comum, ácido nítrico, panos limpos e água destilada. Coloque o removedor no pano limpo e esfregue a superfície posterior do espelho, onde foi aplicado o protetor para o prateamento. Derrame uma pequena quantidade de ácido nítrico sobre a superfície que você quer envelhecer e, usando um palito, desenhe os salpicos em diversos tamanhos. O produto é muito forte e age rapidamente, quanto mais tempo permanecer sobre a superfície, maior o ‘dano’. Assim, quanto mais diluído for o ácido, menor a intensidade das manchas.

Essa foi uma dica WebReforma para deixar sua casa mais bonita e sofisticada.

Acesse nosso portal e encontre empresas e profissionais de Decoração, Reformas, Manutenção e serviços e muito mais.

www.webreforma.com.br

Fotos: Houzz